Autor

Categorias

Últimas Linhas

Arquivo

Junho 2009
S T Q Q S S D
« Mai   Jul »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

FALTA DE RESPEITO

O não cumprimento de horários é uma questão que precisa de ser corrigida na nossa sociedade.
Vem isto a propósito de uma breve notícia no 24Horas na página "a fechar" sobre os atrasos do Ministro Manuel Pinho.
Diz o jornal que o senhor Ministro da Economia chegou duas horas atrasado à inauguração do novo Hotel Tivoli em Vilamoura.
No dia seguinte, segundo o mesmo jornal repetiu a dose em Faro, na Pousada de Estói, só que aqui o Presidente da Câmara José Apolinário foi embora e deixou o Ministro a falar para os amigos que desesperavam pelo jantar que entretanto não tinha sido servido.
A ser verdade, esta é uma situação que merece um grande pedido de desculpas.
A isto se chama uma grande falta de respeito.

23 de Junho de 2009 pelas 11:04

Arquivado em: Política

7 comentários Adicionar agora

  • 1. Manuel da Costa  |  23 de Junho de 2009 pelas 11:34

    Eu nisto sou muito britânico!

  • 2. Filipe Pereira  |  23 de Junho de 2009 pelas 12:58

    Para quem se atrasou 2 anos para entregar um raio de uma jarra, que aquilo nem é taça nem é nada, acho este post ridículo.

  • 3. Manuel Castro  |  23 de Junho de 2009 pelas 17:15

    bem prega Frei Tomé….mas é pra quem é….
    a acreditar em relatos de alguns diários desportivos não é só o Ministro Manuel Pinho que se atrasa…..

  • 4. José Carlos Silva  |  23 de Junho de 2009 pelas 20:42

    “A ser verdade, esta é uma situação que merece um grande pedido de desculpas. A isto se chama uma grande falta de respeito.”
    Como é que posso comentar isto se existem duvidas quanto há veracidade dos factos? É muito feio pegar nas coisas pela negativa sem certezas!

  • 5. Corrector  |  24 de Junho de 2009 pelas 12:07

    …”quanto há veracidade dos factos? ”

    Oh Zé Carlos … pr’a que te metes nisto pá!?…Porque não vais pr’às novas oportunidades…

  • 6. José Carlos Silva  |  28 de Junho de 2009 pelas 10:59

    Pois é! Quando se chama a atenção de algo que não é transparente ataca-se de forma vil e cobardemente por baixo de um “corrector”. Não tenha receio destas observações! É de ter cuidado é com as palmadinhas nas costas e com alguns apertos de mão! Quanto ao “há” que afinal deveria de ser “à” e embora eu não lhe deva explicações (…) sabe que eu não tenho o tempo todo do mundo que provavelmente o senhor terá para corrigir os textos ou até ter alguém que o faça por si. Conforme vão surgindo os meus argumentos eu escrevo-os e não me dou ao trabalho de os corrigir. Quanto às novas oportunidades acho que os portugueses e em particular os Oliveirenses não se devem de envergonhar por frequentarem ou de terem frequentado estas acções de certificação de competências adquiridas ao longo das suas vidas. Infelizmente nem todos terão tido os empurrões que alguns pseudo doutores tiveram ao longo das suas vidas para chegarem onde chegaram. Não é por acaso que este país está como está! Quanto ao “pá” como refere tenha a dignidade e educação de se dirigir a alguém nos termos a que um bom filho tal e qual é ou foi educado. Não alinho em linguagem de cervejaria e muito menos comento um post no mínimo duvidoso e calunioso. Nunca me calo aos que me ofendem ou que queiram amarar a minha liberdade! Nunca…

  • 7. Paulo Matos  |  06 de Julho de 2009 pelas 09:50

    Agora percebe-se que o tipo só pensava em touradas !

Deixe o seu comentário

Obrigatório

Obrigatório

Código HTML permitido:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <code> <em> <i> <strike> <strong>