Autor

Categorias

Últimas Linhas

Arquivo

Maio 2008
S T Q Q S S D
« Abr   Jun »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

AUMENTOS

Os combustíveis voltaram a aumentar na Repsol igualando a Galp.
Onde é que isto vai chegar?
O estudo pedido pelo Ministro Manuel Pinho é que nunca mais chega.
Uma pouca vergonha . . . 

29 de Maio de 2008 pelas 00:23

Arquivado em: Política

4 comentários Adicionar agora

  • 1. António Correia  |  29 de Maio de 2008 pelas 09:25

    Com esta situação a passar incólume com a inacção do governo vamos assisitir na próxima avaliação da revista Forbes a uma coisa espantosa da qual, estupidamente, nos vamos todos orgulhar: o senhor Américo Amorim vai trepar mais um bocadinho na lista dos mais ricos. À nossa custa e à custa da subserviência do ministro Manuel Pinho e do primeiro ministro José Sócrates.

  • 2. paulo pereira  |  29 de Maio de 2008 pelas 15:07

    Que é uma vergonha é, e se lá estivessem os “laranjas” como
    era?
    Chega de conversa da treta, são todos iguais, quem se amola
    é o Zé Povinho!!!
    Nesta altura todos os politicos deviam ter vergonha pelo o
    que estão a fazer pelo país, o que querem é TACHOS.

  • 3. Andreia Maltez  |  29 de Maio de 2008 pelas 16:40

    Tenho estado a ver o debate parlamentar no canal dois e estou escandalizada com a prepotência e o descaramento do Primeiro-Ministro pois não á uma unica resposta que ele dê que não invoque o passado. É uma vergonha miserável que ao fim de três anos de governação ainda seja capaz de assumir responsabilidades.
    Quantos mais anos vamos ter que aguentar isto?
    Chega de gozar com os portugueses.
    Será que os portugueses não acordam? è tempo de correr com eles.
    Venha quem nos saiba governar.
    Chega de pessoas incompetentes à frente do País.
    O Presidente da República tem uma palavra a dizer sobre isto. Já chega de dar cobertura a esta palhaçada.
    Todos os dias fecham fábricas.
    Todos os dias aumenta a gasolina.
    Todos os dias aumenta o desemprego.
    Todos os dias aumentam os juros.
    E eles, todos eles, no Parlamento brincam aos debates uns com demagogia pura e outros assobiando para o ar.
    Pela minha parte estou cheia.
    Não aguento mais tanta desconsideração.
    Basta!

  • 4. Zé da Póvoa  |  30 de Maio de 2008 pelas 18:41

    Compreendo o desespero. O tacho está cada vez mais longe. O Sócrates não respeita as corporações que se acham benzidas pelos santos óleos. Toca a todos ter que trabalhar e isso é uma chatisse!
    O Sr Presidente da República não contraria o Sócrates como queriam os que votaram nele, porque sabe que, se houvesse mudanças, só poderia ser para pior.
    É o desalento! E mesmo agora com o novo líder o PPD, quem quer que ele seja, não há luz no fundo do túnel. Se fôr a Dª. Manuela, face à convergência de ideias, até pode ser que o Sócrates a aproveite para Subsecretária de Estado da Finanças!!!

Deixe o seu comentário

Obrigatório

Obrigatório

Código HTML permitido:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <code> <em> <i> <strike> <strong>