Autor

Categorias

Últimas Linhas

Arquivo

Maio 2008
S T Q Q S S D
« Abr   Jun »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

PJ NOVA

A Polícia Judiciária tem um novo director nacional.
Almeida Rodrigues substitui Alípio Ribeiro.
Pela primeira vez, a Polícia Judiciária é entregue a um polícia.
Recuperar a eficácia operacional e levantar a moral dos inspectores - duas tarefas fundamentais e prioritárias.
Em três anos, o ministro Alberto Costa já vai no terceiro Director Nacional da Polícia Judiciária.
O que tem falhado senhor Ministro?
Esperemos pois pelos resultados.

07 de Maio de 2008 pelas 12:29

Arquivado em: Política

3 comentários Adicionar agora

  • 1. Zé da Póvoa  |  07 de Maio de 2008 pelas 16:53

    Só Sócrates tem a coragem de tomar mediadas deste tipo. Para grandes males, grandes remédios. Os juízes já esperneiam por todo o lado porque é um tacho cujo privilégio vêm sair da sua coutada. O escolhido é um bom profissional, sabe do ofício e pode fazer um bom trabalho, embora eu duvide que, com este ministro e este PGR - evidentes erros de casting - possa ir muito longe. Pelo menos que consiga uniformizar os crimes no todo nacional e não haja crimes a norte que são não-crimes a sul e que o laço da justiça aperte por igual em todo o lado e não em função da proximidade, de amizades e de compadrios.

  • 2. Emanuel Rodrigues  |  07 de Maio de 2008 pelas 22:15

    Reformulando o que diz um amigo: “À polícia o que é da polícia”

  • 3. Seneca  |  08 de Maio de 2008 pelas 10:59

    O Estrela da Amadora-Benfica começou mais tarde 8 minutos. Por incrível que pareça os jornais deram muito pouca importância ao assunto. Não houve explicações para ninguém quando isso pode ter consequências muito graves.
    Lembram-se quando há três ou quatro épocas atrás o FC do Marco, no último jogo do campeonato entrou em campo com um atraso de 20 minutos? Pois é, também todos se lembram que depois de muito julgamento, tanto a Liga como o Conselho de Justiça da FPF deliberaram que o clube marcoense descia de divisão e este foi mesmo despromovido. Mas, parece que no nosso futebol uns são filhos e outros enteados.

Deixe o seu comentário

Obrigatório

Obrigatório

Código HTML permitido:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <code> <em> <i> <strike> <strong>