Autor

Categorias

Últimas Linhas

Arquivo

Janeiro 2008
S T Q Q S S D
« Dez   Fev »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Twitter

HABILIDOSO

José Sócrates "matou" completamente o discurso do novo Bastonário na abertura do ano judicial.
Já ninguém fala dos excessos verbais.
Sócrates foi hábil e inteligente na escolha do momento para anunciar a mini remodelação.
Acho que Cavaco Silva, presente na dita cerimónia, também não deve ter gostado.
Estilos….

29 de Janeiro de 2008 pelas 17:36

Arquivado em: Política

6 comentários Adicionar agora

  • 1. Conta-corrente  |  29 de Janeiro de 2008 pelas 18:51

    O primeiro-ministro não resistiu à revolta generalizada contra o encerramento de unidades de saúde.
    Mas não importa tanto mudar pessoas quando o objectivo passa por manter as mesmas as políticas.

    www.conta-correntebredamarques.blogspot.com

  • 2. João Silva  |  29 de Janeiro de 2008 pelas 21:20

    ..Estilos ou não, a verdade é que ambos (Cavaco e Sócrates) são muito determinados. Além disso, creio que Sócrates ensaiou uma jogada de mestre. 1º - o momento que escolheu; 2º - Mudança de homem para mulher na saúde (para transmitir um ar mais humano, sensível e dócil) e 3º - Muita atenção a António Pinto Ribeiro (poderá ser uma caixinha de supresas) , um excelente jurista, grande orador e com algumas incursões pela cultura. Vamos aguardar.

  • 3. Manuel da Costa  |  29 de Janeiro de 2008 pelas 22:18

    O Salazar também mandava calar quem lhe era contra, mesmo que com críticas fundadas. Enfim.

  • 4. RV  |  31 de Janeiro de 2008 pelas 22:28

    Um truque que já fizera com o tratado de Lisboa.

    Um boneco sobre a remodelação:
    http://fliscorno.blogspot.com/2008/01/i-see-19-tales-9.html

  • 5. Serafim Leitao  |  03 de Fevereiro de 2008 pelas 17:54

    Eu confesso que já me cansam os qualificativos de inteligente sobre o 1º Ministro.Se este homem é inteligente, depois de tudo o que se conhece da sua vida privada, devo estar equivocado. Goza de uma comunicação social favorável, isso sim, em especial na RTP, e o que quer que faça é sempre genial.
    Para mim um político que não cumpre promessas essenciais, fazendo o contrário do que prometeu, cuja vida privada, (casos da licenciatura, e agora os projectos, alguns de arquitectura) nunca será uma figura recomendável.
    Ponham os pés na terra…….

  • 6. Jorge Melo  |  07 de Fevereiro de 2008 pelas 10:12

    Por falar em ministro da Justiça…então e o Director Nacional da PJ? Ainda continua em funções? Portugal fica com a sua imagem no exterior completamente manchada! Não tem consequências?O desgraçado do antigo responsável pela investigação teceu comentários…foi logo demitido! Continuamos com dois pesos, duas medidas! Lamentável…

Deixe o seu comentário

Obrigatório

Obrigatório

Código HTML permitido:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <code> <em> <i> <strike> <strong>